guayaquil
Foto: Denis Renó.

Guayaquil, também conhecida como Guaiaquil, é a maior cidade equatoriana. À beira do caudaloso rio Guayas, a cidade possui o principal porto do país. A zona portuária movimenta 73% da importação e 45% da exportação do país, maior exportador de banana do mundo.

Mas a cidade não vive somente do porto. O turismo e o comercio movimentam a metrópole, que possui 2.440.000 de habitantes concentrados na cidade principal e em cidades que conformam a grande Guayaquil.

guayaquil
Foto: Denis Renó.

Guayaquil é uma cidade que, de tão grande, desaparece no horizonte.

História também movimenta Guayaquil. Fundada em 1538, recebeu o nome em homenagem a um cacique de mesmo nome que lá estava na chegada dos espanhóis. E, sobre espanhóis, em 1820, a cidade tornou-se independente da coroa espanhola. Curiosamente, essa foi a primeira cidade equatoriana a tornar-se independente da Espanha.

Esse post apresenta algumas informações que fazem de Guayaquil um bom destino a ser pensado. Afinal, além das opções locais de turismo, há passeios saindo de hora em hora para Cuenca, bela cidade colonial do Equador.

Guayaquil, uma metrópole

Apesar do cinturão histórico concentrado no centro da cidade e à margem do rio Guayas, Guayaquil possui o Puerto Santa Ana, um complexo de edifícios residenciais, comerciais e até mesmo um hotel de frente para o rio. As construções representam a modernidade e o progresso da cidade, que cresce a cada dia.

guayaquil
Foto: Denis Renó.

O complexo do Puerto Santa Ana é impressionante.

Mas nem toda Guayaquil oferece essa modernidade. No centro da cidade, encontramos construções históricas e até mesmo alguns imóveis em estado de abandono. O resto da cidade é bastante parecido com diversas metrópoles da América Latina, com um caos no trânsito e o concreto tomando conta da paisagem.

O rio Guayas

O caudaloso rio Guayas, em seu trecho urbano, transformou-se em um importante ponto turístico. O visitante pode passear pelo Malecón, monumento construído à margem do rio, comer ou mesmo observar o pôr do sol. Com segurança, do local sai um ônibus turístico que percorre vários locais da cidade, inclusive o popular Cerro Santa Ana.

guayaquil
Foto: Denis Renó.

O caudaloso rio é uma marca de Guayaquil.

Entretanto, a umidade do rio, somada à temperatura da cidade, faz de Guayaquil uma cidade com um clima difícil de suportar durante o dia. Planeje as roupas a serem usadas no passeio, leve água para beber e, quando necessário, fuja para um ar condicionado. Será um momento de recuperação.

Guayaquil, pré-colombiana

Apesar de ter sido fundada há quase 500 anos, Guayaquil ainda mantém traços da cultura que lá vivia antes da chegada dos espanhóis. Os equatorianos se consideram, em sua maioria, mestiços, e não indígenas. Entretanto, percebe-se, em diversos monumentos da cidade, o orgulho por seus antepassados indígenas.

Foto: Denis Renó.

Monumentos aos indígenas estão por todos os lados da cidade.

Apesar disso, Guayaquil também concentra uma arquitetura hispânica, especialmente no centro da cidade. E, nesses momentos, a tradição indígena é substituída por uma semelhança absoluta a cidades como Quito, Bogotá e Buenos Aires.

A natureza em Guayaquil

Apesar de ser o maior centro urbano do país, a cidade orgulha-se de manter a natureza, senão viva, ao menos próxima da sobrevivência. Um desses locais em que a natureza transita entre os cidadãos é o Parque das Iguanas, uma praça no coração central da cidade com milhares de animais dessa espécie. Esses répteis circulam entre as pessoas, que tiram fotos e jogam comida aos animais.

guayaquil
Foto: Denis Renó.

As iguanas pousam para fotos enquanto descansam ao sol.

Ao redor da cidade, também há reservas florestais que recebem os turistas para uma vista fora do concreto metropolitano. Em meio ao verde, espécies da flora equatoriana sobrevivem e se destacam das demais, compensando o calor. Com tantos detalhes, Guayaquil é, sem dúvida, um passeio a ser realizado ao visitar o Equador.

Foto: Denis Renó.

A natureza ao redor da cidade está bastante preservada.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here